• Jacqueline Miranda

Minimalismo e Sustentabilidade Na alimentação


Eu aderi o minimalismo como estilo de vida em agosto do ano passado (2015), neste tema eu ainda estou engatinhando. Eu ainda no processo de desapego (que é bem difícil). Ainda bem que eu encontro muitos blogs e grupos em português falando sobre este tema, mas quase não encontro nada falando sobre alimentação.

Eu sou estudante de nutrição e eu já estudava o minimalismo na nutrição bem antes de ser minimalista. No campo de nutrição, sempre houve uma preocupação com o consumo consciente e equilibrado, então, discutimos práticas de Compra inteligente, validade dos alimentos, escolha e valorização da agricultura familiar, alimentos orgânicos, congelamento, armazenamento, entre outros assuntos.

Todos estes temas citados são temas que possuem uma relação direta com o minimalismo e possuem as mesmas preocupações.

Então eu resolvi passar o que eu sei sobre minimalismo na alimentação, para ajudar pessoas com este tema.

A ideia não é dizer o que você deve ou não comer, até porque ainda não sou nutricionista formada, mas garanto que estas dicas vão ajudar muito melhorando a sua qualidade de vida e também a qualidade de vida das pessoas que moram na sua casa.

Este será uma série com 10 capítulos sobre os temas abaixo descritos mais detalhadamente, aplicando assim algumas práticas e dando dicas para ajudar.

Vamos às dicas:

Compra inteligente: planeje quais ingredientes serão usados nas suas refeições, faça listas, compre direto de produtores, evite comprar por impulso e não caia em estratégias para adquirir mais do que o necessário.

Frutas em formatos “divertidos”: muitos vegetais são descartados nos supermercados simplesmente porque seu formato ou cores não estão “adequados”. Ao comprar esses alimentos em feiras livres e outros pontos de venda, você está adquirindo comida que poderia ser jogada fora.

Compreenda as datas de validade: Avalie bem o alimento antes de descartar, ele pode não ser usado para consumo mas pode virar outra coisa, como farinha que pode ser massinha.

Sem relíquias na geladeira: faça receitas criativas para você utilizar tudo o que comprou, (farei um vlog sobre várias receitas, fique ligado no blog e no canal)

Armazenamento e congelamento: congele os alimentos em porções menores, nos restaurante pegue pouca comida, não desperdice sobras de refeições anteriores (desde que estejam em condições de consumo); e doe para banco de alimentos, abrigos e outras instituições.

#Alimentaçãominimalista #Minimalista #minimalismonaalimentação

23 visualizações

© 2023 por Cozinha Minimalista . Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now